11/12/2008

Fidelidade Partidaria

Após juras de amor, onde chegou a dizer que se voltasse a jogar no Brasil, seria tão somente no seu time do coração, o Flamengo. Após todo o romance com o clube o jogador não ira vestir a camisa rubo-negra. Segundo ele o clube não o apresentou nenhuma proposta. Logo, apesar de se dizer flamenguista de coração, ele ira vestir a camisa do ('recém rebaixado') Corinthians. Alegando que não pode pensar apenas com o coração pois ainda precisa garantir o "leite das crianças".(alguém acredita que ele precise garantir o leite das crianças?)
 Como a corda arrebenta sempre para o lado mais fraco, quem sofre com esse emarranhado de interesses (digamos financeiros) é sempre o torcedor, que ainda não aprendeu a pensar, a não ser com o coração.

Um comentário:

Caroline disse...

esse gordinho traidor!!!!